Profissionais da educação participam de curso no FLIV

Profissionais da educação participam de curso no FLIV

No último dia 07 de maio Profissionais da Educação de Gastão Vidigal, com o apoio da Prefeitura Municipal, estiveram presentes em um curso de capacitação “Dificuldades de Aprendizagem no Ensino Fundamental” promovido pelo FLIV (Festival Literário de Votuporanga) no auditório da Câmara Municipal, de Votuporanga.

O curso foi ministrado pelo professor doutor Geraldo Peçanha de Almeida, que já atuou em diferentes sistemas de ensino pedagógico do país.

Autor de mais de 40 livros sobre diferentes segmentos da prática pedagógica, Almeida já trabalhou no grupo Positivo e fez consultoria para as redes Pitágoras, Opet e Dom Bosco. Implantou, em 2010, programa de leitura e escrita em Moçambique, na África.

O curso teve como tema as dificuldades na aprendizagem e mostrou quais são as principais disfunções que evitam o desenvolvimento considerado normal das crianças. Seu objetivo foi não apenas listar esses problemas como também indicar os sinais que possam ajudar a identificá-los. O conhecimento precoce dessas disfunções facilita o tratamento e ajuda no desenvolvimento intelectual das crianças.

O que é dificuldade de aprendizagem?

É natural do ser humano querer que seus filhos estejam sempre no pódio de qualquer atividade que realizam, porém, o pai ou a mãe que pensarem assim, já está demonstrando traços e características de dificuldades. Não existe na história da humanidade nenhuma pessoa, que não apresentasse alguma dificuldade de aprendizagem, fosse ela emocional ou cognitiva.

Daí surge à pergunta: Quando é preciso recorrer a especialistas para buscar tratamento ou terapia para meu filho? A criança quando inicia sua vida escolar, necessita de um olhar atento por parte dos pais e professores. O desenvolvimento de uma criança requer estímulos constantes e apoio integral dos adultos responsáveis pela mesma.

Claro que cada criança é única e precisa-se respeitar o tempo de cada ser, para que possa assimilar o que lhe é ensinado, porém, a natureza humana é constituída por gostar e querer competir com seus semelhantes. Chamo isso de “lei de ação e superação”. Partindo desta lei natural humana é que podemos observar quais dificuldades a criança vem apresentando. Muitos pais não dão a devida importância para alguns sintomas apresentados desde o início da vida escolar. Portanto, faço aqui algumas ressalvas para que os responsáveis fiquem atentos, caso seu (a) filho (a), esteja apresentando alguns destes itens:

Devo observar se minha criança:

Apresenta dificuldade na sua coordenação motora ampla e fina;

Se respeita as regras estabelecidas pela família e escola;

Brinca com os colegas harmoniosamente;

Supera as dificuldades normais do processo de alfabetização. Vindo assim, assimilar e apropriar-se da escrita e leitura em divido tempo;

Acompanha os conteúdos escolares de sua turma;

Demonstra agitação, inquietude e nervosismo sem motivo;

Está sempre inseguro, triste e sem ânimo ou vontade de estudar;

Sempre apresenta dificuldades de aprendizagem e a cada ano aumenta;

É desorganizado com material escolar, seus pertences e sua escrita;

Não consegue realizar cálculos, resolver as atividades de interpretação e memorizar tabuadas.

Estas são apenas algumas dicas que os pais e educadores precisam ficar atentos no desenvolvimento das crianças, claro que, toda regra tem exceção e não devemos fazer da vida uma paranoia no que diz respeito aprendizagem, mas o que se deve fazer é observar e acompanhar as crianças. Sempre que possível estar em contato com a escola para verificar o desenvolvimento de seu filho.

Fonte: http://www.emvideira.com.br

Galeria de fotos